Karina Helena Ramos

Mestre em História Social pelo Programa de Pós-Graduação em História Social (PPGHIS/UFRJ). Financiada pelo Cnpq e inserida no campo da História Intelectual, a dissertação intitulada "A revista Mensagem: uma perspectiva sobre o discurso literário angolano (1951-1952)" analisou as conexões entre movimentos políticos e culturais globais e o processo de construção da angolanidade em uma revista literária de Luanda. A atual pesquisa de doutoramento, financiada pela CAPES, observa a alimentação como lócus de reordenamento social da população em Luanda (1950-1970). É membro da Associação Brasileiros de Estudos Africanos (ABRE-África). Detém conhecimento no campo da História Intelectual e nas áreas de História da América e História da África contemporânea.